x Logo Dr. Visao

Dr. Visão

Guia To Go

20 h 59

Quarta-feira, 24 Abril 2019

GUIA DE NOTÍCIAS

NOTÍCIA


18/03/2014

Muitas horas no computador pode causar problemas de Visão

Hoje em dia ficar horas e horas em frente a um computador é algo normal, tanto em casa, como no trabalho. Mas esse hábito pode prejudicar e muito a saúde da visão. O que muita gente ainda não sabe é que essa rotina ajuda a causar o olho seco, que já acomete cerca de 90% dessas pessoas.

O olho seco é causado pela falta de lágrimas, pois prejudica a lubrificação dos olhos. “Passar muito tempo em frente ao computador é apenas uma das causas, esse problema também pode aparecer por conta do clima seco, exposição a fumaça, ar-condicionado e, também, ao uso de alguns tipos de medicamentos”, afirma o oftalmologista João Luiz Pacini, do Visão Institutos Oftalmológicos.

As lágrimas possuem a função de hidratar e lubrificar a superfície ocular, além de ajudar no perfeito funcionamento da refração ocular. “Quando as lágrimas são deficientes em quantidade e qualidade as pessoas têm mais predisposição em desenvolver irritação e infecção ocular, além de embaçamento visual”, adverte o especialista.

Estima-se que cerca de 18 milhões de pessoas sofram com olho seco no país. Esse problema pode acontecer em qualquer idade, porém, é mais frequente em adultos e muito mais comum nos idosos, sendo que por volta dos 65 anos o ser humano já reduz cerca de 60% das suas lágrimas.

De acordo com o oftalmologista, os principais sintomas são: sensação de areia ou cisco nos olhos, ardor, queimação, irritação, vermelhidão e visão borrada. Os sintomas podem se agravar dependendo das condições de baixa umidade, ao assistir televisão ou ao forçar a visão na hora da leitura.

O olho seco pode ser diagnosticado por meio de exames específicos e avaliação de histórico clínico do paciente. “O tratamento pode ser feito a base de colírios ou lágrimas artificiais. Mas, em casos mais severos, é necessário realizar cirurgia”, alerta Dr. João Luiz Pacini.

Muitas vezes esse problema pode ser passageiro, mas exige muitos cuidados. “Quando não tratado adequadamente pode evoluir para situações mais sérias e desencadear processos inflamatórios, causar dor, ulcerações ou cicatrizes na córnea, podendo chegar a perda de visão”, afirma o especialista.

Visão

  • Seu nome

    Seu Comentário

    Seja o primeiro a comentar esta notícia, CLIQUE EM COMENTAR

Este Portal é um veículo de conteúdo, informação e divulgação sobre assuntos relacionados a oftalmologia (IMPRENSA), todo conteúdo veiculado é de responsabilidade de seus autores. NUNCA deixe de consultar o seu médico oftalmologista.
TEMAS
Portal DR. VISÃO - Todos os direitos reservados - ® 2000 - 2011